Home Bastidores Não precisa ser fácil, só precisa ser possível: Fundadoras apresentam plano 2030 para voluntários e profissionais de saúde

Não precisa ser fácil, só precisa ser possível: Fundadoras apresentam plano 2030 para voluntários e profissionais de saúde

por Ana Beatriz Viana Arruda

“Queremos que todos se sintam inspirados como um dia nos sentimos”, disse Sabine Zink durante evento online exclusivo para voluntários SAS Brasil

Lorena Veríssimo
Especial para a SAS Brasil

Uma noite especial de conexão entre voluntários apaixonados pela SAS Brasil. Foi assim que os participantes definiram o bate papo online com as fundadoras da SAS Brasil, Adriana Mallet e Sabine Bolonhini. O evento aconteceu na primeira sexta-feira do mês de junho e foi exclusivo para a turma plus, formada pela equipe de estudantes e profissionais de saúde que já passaram pela primeira trilha dos voluntários e estão há mais de três meses integrando a equipe da SAS Brasil.

Confira: Santo Amaro, cidade com menor IDH do Maranhão, recebe o Mutirinho de Saúde da Mulher da SAS Brasil

Com o objetivo de integração e aprendizado, a conversa informal foi um momento único com foco na troca de experiências entre fundadoras e voluntários. Durante o encontro,  os participantes puderam compartilhar momentos vividos dentro do projeto e conhecer as expectativas para o futuro da startup social.

“Decidimos viver o sonho”, contou Sabine sobre como elas decidiram fundar a SAS Brasil, ainda em 2013, e o que as motivou a dar continuidade. “Então pensamos: precisamos levar atendimento, estrutura, e uma rede de especialistas como suporte”, relembrou Adriana ao contar como foi ficar sabendo que a Vila do Preá, no município de Cruz, no Ceará, estava sem médico há oito meses.

Vivendo uma nova fase e com a meta de transformar o acesso à saúde no Brasil,  a SAS Brasil tem a ambição de realizar 100 milhões de interações mágicas até 2030. Isso significa que nossos atendimentos presenciais, consultas por telemedicina, exames, capacitações de profissionais, mutirões presenciais, visualização nas trilhas de educação em saúde no Youtube entre outros, somados, chegarão a marca de 100 milhões de interações. A meta foi apresentada para os voluntários e profissionais da saúde e gerou muita expectativa em todos os participantes do evento. 

“É muito bom continuar aqui, continuar sonhando e crescendo, sabendo que a gente consegue. Vocês me inspiram demais, é muito bom viver isso tudo e presenciar o começo de cada sonho” , disse Anna Beatriz Bifano, voluntária SAS Brasil desde 2020.

 

LORENA VERÍSSIMO
Lorena é estudante de Jornalismo na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Atualmente cursa o segundo período da faculdade, é estagiária de marketing do Instituto Integrado de Saúde e voluntária de comunicação da SAS Brasil.

Posts relacionados

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este site.