Home Expedições SAS Brasil dá início a triagem para expedição presencial no final do mês na comunidade da Maré

SAS Brasil dá início a triagem para expedição presencial no final do mês na comunidade da Maré

por Ana Beatriz Viana Arruda

Atuação será focada no atendimento em saúde infantil

A SAS Brasil começa o mês de maio com o pontapé inicial para a primeira expedição presencial de 2021 na Comunidade da Maré. Durante esta semana, a equipe de solo da instituição estará realizando a triagem de alunos do sexto ano do Ensino Fundamental nas especialidades de oftalmologia e odontologia. A triagem é um processo importante do método SAS Brasil de levar saúde especializada para quem não tem. É através dela que nos dias de expedição, os profissionais de saúde poderão realizar de forma efetiva as intervenções necessárias, aumentando a resolutividade das nossas ações. 

Confira a cobertura da triagem no nosso Instagram

Triagem de paciente mirim

Os pacientes mirins, com idades entre 10 e 12 anos, chegam à escola Escola Municipal Professor Josué de Castro, junto com um responsável para concluir o seu cadastro no SIAS, plataforma de teleatendimento e prontuário médico criado e usado pela SAS Brasil. Em seguida, as crianças são encaminhadas para o exame de qualidade de visão e para a triagem de saúde bucal. Ao final do fluxo da triagem, o responsável responde um questionário para o mapeamento de possíveis necessidades de atendimento da família que poderão ser resolvidas durante a expedição. 

A diretora da escola onde estão sendo realizadas as triagens, Cristiane Fontoura, conta a importância de ações como a da SAS Brasil. “Essas crianças são muito carentes de assistência médica, o foco é na saúde visual. Muitas crianças não sabem, não se dão conta das deficiências que tem. Então a triagem é muito importante para poder direcioná-los, é um apoio, um carinho. Essas crianças se sentem amadas e bem cuidadas com esse tipo de ação”, disse. 

A expedição

Nos dias 21, 22 e 23 de maio, a SAS Brasil realizará a ação presencial na Comunidade da Maré. Durante a expedição, as crianças triadas durante esta semana serão atendidas pelos profissionais de saúde. Os atendimentos serão realizados nas duas carretas da instituição, planejadas e construídas para oferecer de forma itinerante atendimento médico especializado. Os familiares das crianças não ficarão de fora, eles passaram pela triagem de dermatologia para investigar possíveis casos de câncer de pele e diabetes. 

Fotos: Roy Bento

Posts relacionados

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este site.