Mariana Farah: advogada que largou carreira corporativa para ser voluntária no Oriente Médio se soma ao SAS Brasil

“Independente do tipo de ação que você faz em um trabalho voluntário, a maior necessidade do outro é sempre o afeto”, afirma a advogada Mariana Farah, nova voluntária do SAS Brasil.

Há pouco mais de um ano e meio, ela deixou sua carreira de dez anos em direito tributário e as pressões e cobranças do mundo corporativo para ser voluntária de vários projetos no Oriente Médio e no interior do Brasil.

“Ganhava bem. Era reconhecida. Mas, o desgaste pessoal era muito pesado. De um dia para o outro, percebi que não me encaixava ali”, relembra. Foi quando ela decidiu largar tudo e ir atrás das origens árabe e judaica de seus familiares.

Em seis meses, Mariana passou por países como Israel, Palestina e Jordânia e aproveitou para trabalhar com instituições de ajuda a refugiados. “Comecei a perceber o propósito da vida e a querer retribuir ao mundo os privilégios que recebi”, conta.

De volta ao Brasil, ela não parou. Foi voluntária em várias organizações, como a TETO, projeto que constrói casas emergenciais para comunidades carentes. Agora ela se prepara para o novo desafio: participar entre os dias 18 e 26 de agosto da maior expedição do SAS Brasil no Rally dos Sertões.

mariana farah

 

“Conheci o SAS há dois anos. Sempre me interessei pelo fato de a equipe levar, além do atendimento médico, ações de alegria, que levam afeto às pessoas”, revela. Por onde passou, Mariana conta que muitos adultos e crianças em situação de vulnerabilidade só queriam conversar e abraçar.

“Estar perto, muitas vezes, é o melhor que você tem a oferecer a essas pessoas”, avalia Mariana Farah.  

“Existe tanta gente diferente no mundo que a gente precisa conhecer”, conclui ao falar sobre a expectativa de estar entre os mais de 40 voluntários que estimam impactar até três mil pessoas durante os dez dias de Rally.

Voluntários Sertões 2017. O Blog do SAS Brasil continua hoje a série de publicações que conta um pouco das histórias da equipe de voluntários que nos ajudará a levar saúde e alegria às comunidades que ficam na rota do Rally dos Sertões! Não conseguiu ir com a gente, mas quer ajudar? Fique ligado! Em breve lançaremos nossa campanha de financiamento coletivo no Catarse.

mariana farah teto

 

 

 

 

2 comentários em “Mariana Farah: advogada que largou carreira corporativa para ser voluntária no Oriente Médio se soma ao SAS Brasil

  1. Pingback:Corrente do bem ajuda a combater depressão em aldeias indígenas de Aquidauana (MS) – Blog do SAS Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *